Novidades

Microcamp entrega certificado de curso de informática a 50 jovens do Instituto Paulo Freire, em Campinas

Microcamp entrega certificado de curso de informática a 50 jovens do Instituto Paulo Freire, em Campinas

14 jul 2017

Cinquenta adolescentes do Instituto Paulo Freire de Ação Social, em Campinas, vão receber nesta sexta-feira, 14, certificado de conclusão de curso de informática ministrado gratuitamente pela rede Microcamp na instituição. Para estes jovens, entretanto, o evento, mais que uma simples formatura, significa a inclusão no mundo digital e novas oportunidades na vida.

 O curso de informática é resultado da parceria firmada entre o Instituto Paulo Freire e a Microcamp, em março de 2016, através de seu projeto social denominado “Informática Para Todos”, que disponibilizou professor, metodologia e material didático para uso da instituição.  Na oficina de informática os alunos não só foram iniciados no mundo da internet para se comunicarem usando e-mail e facebook, mas também para consultas e estudos. Também aprenderam os módulos do sistema operacional Windows 7 como Word, Excel, Power Point,  Manutenção preventiva e Publisher. “O curso é um suporte para melhorar as condições de vida desses jovens para que possam buscar oportunidades de emprego, obter novas formas de aprendizado e trazer benefício para sua vida pessoal e profissional. Isso é inclusão digital”, defende Eloy Tuffi, presidente da Microcamp e idealizador do projetoInformática para Todos.

 O Projeto Informática para Todos existe desde 1994. Inicialmente atendia  estudantes das escolas públicas das regiões mais carentes de Campinas. Depois o projeto estendeu-se para outra camada da sociedade como portadores de deficiência física e mental da Associação Campineira de Recuperação da Criança Paralítica, portadores de HIV e Aids, da Associação Esperança e Vida, e entidades beneficentes. Desde sua criação, já são mais de 20 instituições beneficiadas - e mais de 15 mil pessoas atendidas

 O Instituto Paulo Freire é uma entidade privada, sem fins lucrativos, que trabalha desde 2007 com crianças e adolescentes com idade de 06 a 14 anos e 11 meses, em diversas oficinas - como música, apoio escolar, cidadania e informática.

 Além de mantê-los ocupados e fora das ruas, essas oficinas possibilitam o desenvolvimento da sociabilidade e da criatividade, fortalecendo o respeito, a solidariedade, a potencialização da família como unidade de referência, e os vínculos comunitários.